Cigarro Mentolados e Eletrônicos na Adolescência

Cigarros mentolados são cigarros aromatizados com aditivos que conferem sabor, especialmente o mentol, tendo sido criados com o objetivo de maior atração ao público, especialmente os mais jovens. Muitos acreditam que ele faz "menos mal" a saúde, já que traz toda uma sensação de frescor, limpeza e entorpecimento leve. Os riscos de desenvolvimento do vício são os mesmos, assim como o prejuízo causado pela nicotina e derivados.
Cigarros eletrônicos (e-cigarrets) são dispositivos a bateria que vaporizam nicotina para inalação. São massivamente veiculados na mídia eletrônica e apesar de não termos dados nacinais, pesquisas mostram que nos EUA o uso desses aumentou vertiginosamente nos últimos anos, com elevações de até 900% na taxa de uso entre estudantes de ensino médio. São relacionados a dependência, redução de reflexos, dificuldade de raciocínio, transtornos de humor, com vários casos já relatados de insuficiência respiratória súbita (principalmente se o uso da nicotina é combinado com solventes, óleos, aromatizantes e THC - derivado da maconha) e óbito. Os casos de óbito aconteceram em adolescentes previamente saudáveis com uso de cigarros eletrônicos nos últimos 90 dias que antecederam o desfecho.
No Brasil existe proibição formal da venda desses produtos, porém há um forte mercado ilegal, com muita facilidade de acesso a ambos, sendo disseminado seu uso entre adolescnetes e jovens, especialmente os de maior nível sócio-econômico. Julho Branco é o mês estipulado pela Sociedade de Pediatria de São Paulo como mês do combate ao uso de drogas por crianças e adolescentes. Vamos lutar contra qualquer forma de vício. Conversem com seus filhos. Oriente, esteja próximo!!!

Dra Daniela Vinhas Bertolini
Pediatria e Infectologia Pediátrica
Compartilhar!

    No Comments Yet.

    Leave a comment

    You must be Logged in to post a comment.